VIDEO DA SEMANA :

OS RUSSOS FORAM HOLOCAUSTEADOS PELOS JUDEUS BOLCHEVIQUES

Abaixo um trecho do livro "Sob O Sinal do Escorpião" que descreve alguns metodos de tortura e assassinato em massa pelos judeus comunistas (Bolcheviques) sadisticamente infligiram aos pobres cristãos russos. Eu te alerto, você vai ficar horrorificado. Este é o verdadeiro Holocausto que aconteceu no seculo 20, o Holocausto Russo, praticado pelos demoniacos judeus bolcheviques sedentos de sangue.
Judeu admite que os judeus foram alguns dos maiores assassinos em massa dos tempos modernos.

Aqui deve-se ressaltar que a Cheka estava debaixo do controle dos judeus, de acordo com documentos disponíveis. Muito disso já era conhecido em 1925. O pesquisador Larseh escreveu em seu livro "A Sede de Sangue do Bolchevismo" (Wurttemberg, p. 45) que 50% da Cheka era formada de judeus com nomes judeus, 25% eram judeus que usavam nomes russos. Todos os chefes eram judeus. Lenin estava bem informado sobre todos esses crimes graves. Todos os documentos foram colocados em sua mesa. Lenin respondeu: "Coloque mais força no terror... atire em 10% das pessoas, coloque todos os suspeitos nos campos de concentração!"
Lenin encarcerou pessoas sem sentença, apesar do estabelecimento de tribunais revolucionários, como foi o caso na França sob os jacobinos. Lenin realmente afirmou que os campos de concentração eram escolas de trabalho. (Mikhail Heller e Alexander Nekrich, médicos da história, "Utopia no Poder", Londres, 1986, p.67). Lenin também afirmou que a fábrica era a única escola dos trabalhadores. Eles não precisavam de nenhuma outra educação. Ele enfatizou que qualquer pessoa que pudesse ao menos fazer aritmética basica já poderia comandar uma fábrica. Assim como o terror dos jacobinos na França, os funcionários bolcheviques judeus usaram barcaças para afogar pessoas. Bela Kun (na verdade, Aaron Kohn) e Roza Zemlyachka (na verdade, Rozalia Zalkind) afogaram os 110 oficiais russos dessa maneira na Criméia no outono de 1920. (Igor Bunich, "The Party's Gold", São Petersburgo, 1992, p. 73.)

O cruel Chekista judeu Mikhail Kedrov (na verdade Zederbaum) afogou 1092 oficiais russos no Mar Branco na primavera de 1920. Lenin e seus cúmplices não prenderam ninguém. Eles executaram aqueles mais ativos na sociedade, os pensadores independentes. Lenin deu ordens para matar o maior número possível de estudantes em várias cidades. Os Chekistas prenderam todos os jovens usando um boné de escola. Eles foram liquidados porque Lênin acreditava que os intelectuais russos que se aproximavam seriam uma ameaça para o regime soviético. (Vladimir Soloukhin, "À Luz do Dia", Moscou 1992, pág. 40.) O papel dos intelectuais russos na sociedade foi assumido pelos judeus. Muitos estudantes (por exemplo, em Yaroslavl) aprenderam rapidamente e esconderam os bones da escola. Depois, os Chekistas pararam todos os jovens suspeitos e procuraram seus cabelos pela listra do boné da escola. Se a faixa fosse encontrada, o jovem foi morto no local.

O autor Vladimir Soloukhin revelou que os Chekistas estavam especialmente interessados ​​em garotos bonitos e meninas bonitas. Estes foram os primeiros a serem mortos. Acredita-se que haveria mais intelectuais entre pessoas atraentes. Jovens atraentes foram, portanto, mortos como um perigo para a sociedade. Nenhum crime tão terrível como este já foi descrito na história do mundo. O terror foi coordenado pelo funcionário Chekista Joseph Unschlicht. Como eles praticaram os assassinatos ? Os Chekistas judeus usavam vários métodos de tortura. Em seu documentário "A Russia Que Perdemos", o diretor Stanislav Govorukhin contou como os sacerdotes de Kherson foram crucificados. O arcebispo Andronnikov em Perm foi torturado : Seus olhos foram esmagados, suas orelhas e nariz foram cortadas.
Em Kharkov, o sacerdote Dmitri foi despido. Quando ele tentou fazer o sinal da cruz, um Chekista cortou a sua mão direita. Várias fontes contam como os Chekistas em Kharkov colocaram as vítimas em uma fileira e pregaram as mãos em uma mesa, cortaram os pulsos com uma faca, derramaram água fervente sobre as mãos e tiraram a pele. Isso foi chamado de "puxar a luva". Em outros lugares, a cabeça da vítima foi colocada em uma bigorna e lentamente esmagada com um martelo de vapor. Aqueles que sofreram o mesmo castigo no dia seguinte foram forçados a assistir.

Os olhos dos dignitários da igreja foram cutucados, suas línguas foram cortadas e eles foram enterrados vivos. Havia Chekistas que costumavam cortar os estômagos de suas vítimas, seguindo o que eles tiraram um comprimento do intestino delgado e o pregaram para um poste de telégrafo e, com um chicote, forçou a vítima sem sorte a correr círculos ao redor do poste até o intestino inteiro ser desenrolado e a vítima morrer. O bispo de Voronezh foi cozido vivo em uma grande panela, após o que os monges, com revólveres apontados para a cabeça, foram forçados a beber essa sopa.

Outros Chekistas esmagaram as cabeças de suas vítimas com parafusos de cabeça especiais, ou os perfuraram com ferramentas dentárias. A parte superior do crânio foi cortada e a linha mais próxima foi forçada a comer o cérebro, após o qual o procedimento seria repetido até o final da linha. Os Chekistas muitas vezes prenderam famílias inteiras e torturaram as crianças diante dos olhos de seus pais e as esposas diante de seus maridos. Mikhail Voslensky, ex-funcionário soviético, descreveu alguns dos métodos cruéis utilizados pelos Chekistas em seu livro "Nomenklatura"/"Nomenclatura" (Estocolmo, 1982, página 321) :

"Em Kharkov, as pessoas foram escalpeladas. Em Voronezh, as vítimas de tortura foram colocadas em barris nas quais as unhas foram marteladas para que elas se esticassem por dentro, sobre as quais os barris estavam rolando. Um pentagrama (geralmente uma estrela de cinco pontas anteriormente usada na magia) foi queimado na testa das vítimas. Em Tsaritsyn e Kamyshin, as mãos das vítimas foram amputadas com uma serra. Em Poltava e Kremenchug, as vítimas foram empaladas. Em Odessa, eles foram assados ​​vivos em fornos ou rasgados em pedaços. Em Kiev, as vítimas foram colocadas em caixões com um corpo em decomposição e enterradas vivas, apenas para ser desenterradas novamente depois de meia hora. "Lênin estava insatisfeito com esses relatórios e exigiu: "Coloque mais força no terror!"

Tudo isso aconteceu nas províncias. O leitor pode tentar imaginar como as pessoas foram executadas em Moscou. O jornal russo-judeu Yevreyskaya Tribuna declarou no dia 24 de agosto de 1922 que Lenin havia pedido aos rabinos se eles estavam satisfeitos com as execuções particularmente cruéis. 

Compare o que eles fizeram com o relato do Antigo Testamento com o massacre do Rei Davi de toda a população civil de um inimigo ("assim ele fez a todas as cidades dos filhos de Amom"). "31 E, trazendo o povo que havia nela, o pôs às serras, e às talhadeiras de ferro, e aos machados de ferro, e os fez passar por forno de tijolos; e assim fez a todas as cidades dos filhos de Amom; e voltou Davi e todo o povo para Jerusalém.". Após a Segunda Guerra Mundial, este texto foi alterado na maioria das Bíblias européias. Agora, muitas Bíblias afirmam que as pessoas foram trabalhadas com as ferramentas mencionadas e estavam ocupadas com a fabricação de tijolos - algo que os habitantes faziam continuamente há vários mil anos. (Isto é encontrado em II Samuel, 12:31, e em I Cronicas 20: 3).

Os judeus adoradores de Moloque e Baal, Sinagoga de Satã, servos de Satanas, pensam que a Promessa e a Terra Prometida é deles e para eles, querem tomar o reino desse mundo a força, por isso foram rejeitados e tambem serão destruidos por Deus, pois não querem alcançar a Promessa pela fé no Salvador. Os graves crimes dos extremistas judeus na Rússia foram cometidos baseados em trechos distorcidos  e mal interpretados da Antiga Aliança. Na visão deles :

*O Deus dos israelitas exige o assassinato em massa de gentios (ou seja, goyim = não-judeus), incluindo mulheres e crianças. (Deuteronômio, 20:16.) 
*O Senhor deseja espalhar o terror entre os gentios (Deuteronômio, 2:25). 
*O Senhor exige a destruição de outras religiões (Deuteronômio, 7: 5). 
*Os judeus podem dividir a presa de um grande despojo (Isaías, 33:23). 
*Os judeus podem tornar os gentios como seus escravos (Isaías, 14: 2). 
*Aqueles que se recusam a servir os judeus perecerão e serão jogados fora (Isaías, 60:12). 
*Os gentios serão forçados a comer sua própria carne (Isaías, 49:26).

Quando na verdade Deus fará isso é com eles mesmos, e com todos os que não aceitam ao Salvador, ele os punirá, não entrarão na Terra Prometida pois somente pelo Salvador é que entraremos nela, antes, os desobedientes serão jogados vivos no Lago de Fogo e Enxofre.
Voltando ao terror bolchevique : Para controlar o ódio das pessoas aos torturadores e executores judeus, as pessoas suspeitas de terem uma atitude antisemita também foram executadas. Os que possuíam o livro "Protocolos dos Sabios de Sião" foram executados no local. No final de março de 1919, Lênin foi forçado a explicar : "Os judeus não são inimigos das classes trabalhadoras... eles são nossos amigos na luta pelo socialismo". Mas as pessoas odiaram precisamente esse socialismo e aqueles que praticaram o terrorismo em seu nome. A paixão de Vladimir Ulyanov era matar o maior número possível de pessoas sem pensar nas consequências. Claro, ele nunca se perguntou se era realmente possível construir um estado montado sobre violência e maldade.

Lenin mostrou o mesmo tipo de irreflexão no Lago Yenisei, onde carregou seu barco com tantos coelhos mortos com cabeças esmagadas que afundou devido ao peso. Em agosto de 1991, o navio-estado que Lenin tinha lançado, afundou. O que mais devia ser esperado ? No início da década de 1920 já havia 70 mil prisioneiros em 300 campos de concentração, de acordo com "A Revolução Russa", de Richard Pipes, na Universidade de Harvard, embora, na realidade, provavelmente havia muitos mais. Foi assim que Lênin construiu seu arquipélago GULAG.

FONTE : SMOLOKO

POSTAGENS MAIS VISITADAS :

"RISCO DE CEU NEGRO" : FEDERAIS FAZEM TREINAMENTOS MILITARES PARA "QUEDAS DE ENERGIA GENERALIZADA" E "FALHAS DA INFRAESTRUTURA EM CASCATA"

ACCESS CONSCIOUSNESS - GARY DOUGLAS

VOTAÇÃO : VOCÊ ACHA QUE ACONTECERÁ UMA GRANDE CATASTROFE EM BREVE ???