VIDEO DA SEMANA :

FAZENDA ANIMAL : CIENTISTAS CRIAM PRIMEIRO PORCO-HUMANO HIBRIDO

FOTO DE UM HIBRIDO DO FETO DE PORCO-HOMEM :
Primeira publicação da criação de fetos híbridos de porco-humanos;
Também há relatos de outras quimeras.

Cientistas criaram o primeiro híbrido humano-porco em um estudo inovador que marca o primeiro passo no crescimento de órgãos humanos dentro de animais.

Chamada quimera, em homenagem a besta espécie cruzada na mitologia grega, os embriões de porco-humanos foram criados no Instituto Salk para Estudos Biológicos em La Jolla, Califórnia, EUA, e são o primeiro híbrido feito usando duas espécies grandes, distantemente relacionadas.

"O objetivo final é criar tecido ou órgãos funcionais e transplantáveis, mas estamos longe disso", disse Juan Carlos Izpisua Belmonte, que liderou o projeto. "Este é um importante primeiro passo."

Células-tronco humanas foram injetadas em embriões de porcos jovens, que foram então colocados em vacas suplentes. Dos mais de 2.000 embriões, apenas 186 se transformaram em quimeras - em grande parte porco, com elementos humanos em 1 de 10.000 células.

Depois de 28 dias de gestação de 112 dias, os porcos-humanos foram removidos, como cientistas dizem que os embriões se desenvolveram o suficiente para que eles estudem como as células se misturam "sem suscitar preocupações éticas sobre animais quiméricos maduros", disse Izpisua Belmonte.

Como o período de gestação de um porco de menos de quatro meses é muito mais curto do que o de um ser humano, as células das duas espécies desenvolvem-se em taxas diferentes, o que constitui um desafio para futuras experiências com quimeras.
Cientistas criam primeiros embriões humanos quiméricos

Mesmo que um porco-ser humano completamente desenvolvido esteja distante de nascer, uma quimera com tecido humano pode ser usada para estudar doenças humanas e as diferenças nos órgãos em espécies diferentes.

Apesar da excitação em torno do suíno-humano, preocupações têm sido levantadas sobre as implicações éticas de misturar humano com animal. Há uma preocupação de que os animais humanizados, ou animais com cérebros humanos poderia representar uma ameaça para a humanidade.

"A idéia de ter um animal nascendo compondo de células humanas cria alguns sentimentos que precisam ser abordados", disse Belmonte. "Nem tudo o que a ciência pode fazer devemos fazer. Não vivemos em um laboratório de nicho, vivemos com outras pessoas - e a sociedade precisa decidir o que pode ser feito".

"Nosso próximo desafio é melhorar a eficiência e orientar as células humanas para formar um órgão particular em porcos", disse ele.

FONTE : RT

***COMENTARIO***

Se o simples colocar de peitos de silicone ou cirurgias plásticas são pura vaidade e carnalidade, quando não em casos de real necessidade por motivo de doença ou outros, o transhumanismo chega a outro nível.

O Transhumanismo é uma abominação terrível diante da face de Deus, pois é querer tornar o homem o que ele não é para fins ao qual não foi feito, se Deus nos fez desta forma assim devemos ser, se ele nos colocou limites de força, inteligência e longevidade, etc, assim devemos ser limitados.

Apesar do transhumanismo em geral ser visto como o melhoramento do ser humano, a criação de seres híbridos é a preparação para seres melhorados de nascença. E isso é aprofundar ainda mais algo já abominável. Mas o homem com seu coração infinitamente corrupto, enlouquecendo em suas vaidades, desobedece a Deus, e não parando nisso, ainda tem tal coisa como se fosse uma maravilha, um "novo evangelho para um novo homem". Muitos cientistas, cyberpunks, transhumanistas já pregam este "evangelho" demoníaco.

Tenho quase certeza que a Besta do Apocalipse ira vir por meio deste mesmo falso evangelho.

POSTAGENS MAIS VISITADAS :

ACCESS CONSCIOUSNESS - GARY DOUGLAS

LOLITA EXPRESS - O AVIÃO DA PEDOFILIA DE JEFFREY EPSTEIN

OS PROTOCOLOS DOS SABIOS DE SIÃO PDF

PIZZAGATE É VERDADEIRO

VOTAÇÃO : VOCÊ ACHA QUE ACONTECERÁ UMA GRANDE CATASTROFE EM BREVE ???

VER O ARQUIVO DE POSTAGENS :

Mostrar mais